ARTIGOS PUBLICADOS

 
Censura.png

AINDA HÁ LIBERDADE DE PENSAMENTO? – TRADUÇÃO DE J. O. BILDA

7 de Outubro de 2021

A autodenominada polícia moral na encruzilhada: será que o politicamente correto está fazendo o velho povo de pensadores pensar da mesma forma? Um artigo de Dr. Claus Nordbruch sobre censura na Alemanha, que bem pode se estender ao resto do mundo.

O politicamente correto [2], originalmente um código de conduta bem-intencionado, rapidamente se tornou um terror moral na Alemanha. Os autoproclamados “politicamente corretos” pensam em si mesmos como os únicos possuidores da verdade e recusam a qualquer um o direito de discordar. Como apontado por Martin Walser, isso se aplica particularmente aos tabus alemães mais notórios: à história nacional-socialista da Alemanha, à mulher e aos estrangeiros. Quando alguém tenta lidar com qualquer um desses temas, mesmo da forma mais aberta, é impiedosamente derrotado pelo “clube do fascismo”, um conceito nomeado pelo cientista político Helmut Knütter. Se alguém foi rotulado de racista, fascista ou sexista por meio desse argumento mortal, tornar-se-á um pária, a quem nenhuma outra oportunidade de defender sua visão será dada.